Uma cabo da Polícia Rodoviária Estadual morreu após ser baleada na noite desta terça-feira (15). A militar, identificada somente como Andreza, chegou a ser levada para um hospital em Ananindeua, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com testemunhas, o marido da cabo, que também era policial militar, teria sido o autor dos disparos.

Ainda de acordo com testemunhas, Andreza teria sido morta pelo marido depois de uma briga. Após balear a esposa, o homem teria se apresentado no 21º Batalhão em Marituba e confessado o crime. Após o depoimento, ele teria sido conduzido à Seccional do município.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e já realizou a remoção de corpo da policial.

Por G1