O governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Planejamento e Administração (SEPLAD) vai lançar nesta sexta-feira (14), no Diário Oficial do Estado (DOE), o edital de licitação para a escolha da banca organizadora do concurso público da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), que visa preencher o quantitativo de 1.646 vagas para o cargo de Agente Penitenciário.

As oportunidades serão para o nível médio, e as provas serão realizadas de forma descentralizada, pois além de Belém, ocorrerão também em Castanhal, Marabá, Santarém, Itaituba e Altamira.

A titular da Seplad, Hana Ghassan, esclarece que esta é mais uma etapa do projeto de fortalecimento na área de segurança pública do Estado.

“Quando assumimos a gestão, existiam apenas 6 agentes penitenciários efetivos no estado do Pará, em 2019 foram nomeados 486 agentes prisionais, e em 2020, foram nomeados mais 581, totalizando 1.067 novos agentes, já nomeados neste governo”,  ressaltou Hana Ghassan.

Vagas

Com este novo concurso para o preenchimento de 1.646 vagas de agentes prisionais, vamos cumprir a nossa meta, pois, de apenas 6 servidores, o Estado passará a ter 2.713 agentes penitenciários efetivos.

O secretário de Estado de Administração Penitenciária, Jarbas Vasconcelos, também comentou sobre a ação do governo em impulsionar mais desenvolvimento na área da segurança em busca de mais desenvolvimento para o Estado.

“A convocação desse concurso é mais um passo rumo à profissionalização da autossuficiência da SEAP na gestão do sistema prisional do Estado, como aparelho imprescindível da sustentabilidade, na queda dos índices de criminalidade, para a política de segurança pública positiva que viemos realizando desde o início do governo”, ressaltou o titular.

Concurso PC e PM

Os concursos das polícias Civil e Militar do Pará estão em andamento, no processo de escolha das bancas organizadoras, e vão oferecer 3.900 vagas no serviço público estadual.