As noites deixaram de ser tranquilas, desde o início de julho, na Travessa Doutor Moraes, próximo à Brás de Aguiar, em Belém. Tudo por conta do som alto emitido por uma barbearia localizada no perímetro. Os vizinhos do estabelecimento não sabem mais o que é sossego. Incomodado com o barulho extremo, na madrugada do dia 7 de agosto, o arquiteto Beto Bordalo, 56 anos, resolveu pedir para que baixassem e, na ocasião, foi agredido pelo dono da barbearia. Com a queda, ele quebrou o fêmur em duas partes.

Segundo a vítima, o estabelecimento se transforma em um bar, com caixa de som na calçada, com música alta e pessoas falando alto. A “festa” ocorre sempre de quinta a sábado até altas horas da madrugada.

“Logo no início do funcionamento, cheguei a ir lá, conversar amigavelmente com o próprio dono, que me assegurou que o som iria ser transferido para a parte interna da Barbearia, mas não o fez”, conta Bordalo.

Na última sexta-feira, 7, a barbearia estava, mais uma vez, com som altíssimo, pessoas falando alto e dançado na calçada. “Depois da meia noite, desci para pedir para baixarem o som, pois estamos em tempo de pandemia e eles estavam extrapolando o horário de funcionamento. Durante a conversa com o senhor Armindo Tavares, fui posto pra fora do estabelecimento e empurrado duas vezes pelo próprio ‘Carioca’, sendo que na segunda, o empurrão foi tão forte que caí no asfalto e quebrei o fêmur em duas partes”, relata o arquiteto.

Após ter empurrado a vítima, Carioca virou as costas e entrou na barbearia, deixando-o caído no chão. Dois rapazes perceberam que ele não prestaria socorro e me ajudaram a voltar para o prédio. Como foi muito grave, Beto Bordalo foi levado para um hospital.

“De lá [emergência] fui transferido com urgência para outro hospital, onde fui operado, fiquei na UTI e agora estou em casa me recuperando. Já estou tomando todas as medidas judiciais cabíveis para que a justiça seja feita e eu volte a ter paz no meu lar”, contou a vítima de agressão.

Câmeras de segurança registraram o momento e violência da agressão. O vídeo foi compartilhado em grupos de família e amigos de Bordalo, em aplicativos de mensagem.

Portal Roma News entrou em contato com o estabelecimento, o qual informou que vai se posicionar nesta segunda-feira, 16, sobre o ocorrido. 

*A vítima foi agredida pelo dono do estabelecimento

Confira o relato da vítima: 

[RELATO DA AGRESSÃO]Desde que abriu a Barbearia Carioca (17/7), na Tv. Dr. Moraes, próximo a Brás de Aguiar, em…

Posted by Bianca Bordalo on Sunday, August 16, 2020