Na manhã desta terça-feira (04), um corpo foi achado em um terreno atrás de uma serraria no município de Pacajá, sudoeste paraense. O corpo do rapaz jovem estava em uma área de mata na beira do rio homônimo ao município, e até o começo da tarde, a vítima, morta com tiros na cabeça, não tinha sido identificada. 

De acordo com a Superintendência Regional da Polícia Civil do Lago de Tucuruí, o corpo foi achado por volta das 7h na rua Ayrton Senna, em um ramal chamado Beira Rio, bairro Laranjeira. O corpo foi achado por populares, que acionaram a 23ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e, por sua vez, avisou sobre o caso à Polícia Civil.

Até o momento, a vitima segue sem identificação, e só o que se sabe é que, provavelmente, ele foi morto durante a madrugada. O rapaz, de pele negra, foi atingido por disparos na parte frontal da cabeça. Segundo a polícia, ele aparenta ter menos de 25 anos e tem várias tatuagens pelo corpo, como um desenho de grafismos indígenas no antebraço direito. 

A polícia da região também informou que, ao redor do corpo, fora achados vários objetos que indicam que o jovem estava consumindo drogas antes de se ser morto. Como o corpo foi achado em uma área afastada, de difícil acesso e sem habitações por perto, nenhuma testemunha foi localizada. Vários curiosos foram ao local após a notícia da descoberta de um corpo se espalhar, mas nenhum deles foi capaz de identificar o rapaz assassinado.

O corpo foi removido com a chegada dos profissionais do Núcleo Avançado de Tucuruí do Centro de Perícias Cientificas Renato Chaves. Até o momento, tanto a vítima como os autores do crime não foram identificados.