O primeiro final de semana da ‘Operação Verão’ realizada pela Polícia Civil do Pará, resultou em 14 prisões e cinco mandados de prisão cumpridos. Uma prisão foi registrada durante a operação Lei Seca em Salinópolis, pelo crime de alcoolemia.

As equipes da Divisão de Polícia Administrativa (DPA) fiscalizaram 203 estabelecimentos. Destes, 53 estavam com os alvarás atrasados e 25 foram fechados. A poluição sonora também foi combatida através de diligências feita pelas equipes da Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (Demapa) que fiscalizou 23 estabelecimentos e 39 veículos.

“Começamos a ‘Operação Verão’ com saldo positivo. Cumprimos quatro mandados de prisão em Bragança. Salinas e Mosqueiro foram os locais em que fizemos o maior número de fiscalizações em estabelecimentos. Neste período, 168 boletins de ocorrência foram registrados”, explicou o delegado-geral da Polícia Civil, Alberto Teixeira.

‘Operação Decreto’ – A Polícia Civil continua realizando ações de fiscalizações em estabelecimentos comerciais em descumprimento ao decreto governamental que estabelece medidas de proteção e combate ao novo coronavírus.

Do dia 7 de abril ao dia 28 de junho foram realizadas cerca de 400 operações em todo o estado. Mais de nove mil estabelecimentos foram fiscalizados e dez mil fechados. As equipes da PC também notificaram 509 estabelecimentos e autuaram 395. Neste período também foi registrado mais de duas mil advertências, 17 multas e 63 procedimentos policiais.