Outro jogador do Corinthians entrou na Justiça contra o clube para cobrar valores que não foram pagos. Trata-se do atacante Jonathas, que vestiu a camisa alvinegra em 2018 e marcou apenas um gol. A quantia pedida pelo jogador é de pouco mais de R$ 2 milhões em direitos de imagem. A informação foi publicada primeiramente pelo “Meu Timão” e confirmada pelo LANCE!.

A ação, que corre na 4ª Vara Cível, é referente a uma dívida contraída quando o atacante deixou o clube antes do término do empréstimo junto ao Hannover, da Alemanha. Naquela ocasião, em janeiro de 2019, ficou acordado entre as partes que Jonathas receberia R$ 1,8 milhão pelos direitos de imagem em débito. Sendo que a primeira parcela seria de R$ 900 mil, paga em março, e o restante seria dividido em cinco vezes de R$ 180 mil nos meses seguintes.

Acontece que o acordo não foi cumprido pelo Timão, que acabou se reunindo novamente com o estafe de Jonathas para acertar uma nova forma de pagamento, incluindo os juros do período. Dessa vez o saldo devedor corintiano já havia aumentado para R$ 1,915 milhão, dividido em dez parcelas de R$ 191,5 mil entre os meses de março e dezembro deste ano.

O novo acordo outra vez não foi cumprido pelo Corinthians. Até o momento, nenhuma das parcelas acordadas havia sido paga. Sendo assim, o jogador e seus advogados levaram o caso para a Justiça a fim de poder receber o valor, que com multas e juros soma R$ 2.019.998,35, segundo o documento ao qual o “Meu Timão” teve acesso na última segunda-feira. A ação ainda não foi julgada.

Atualmente, no Elche, que disputa a segunda divisão da Espanha, Jonathas chegou ao Timão por empréstimo no meio da temporada 2018 e deixou o clube em janeiro de 2019. Nesse período, atuou em nove partidas oficiais, marcou apenas um gol e foi vice-campeão da Copa do Brasil com o clube.

Alexandre Guariglia